Justiça bloqueia bens do deputado Galeno Torquato

Por William Medeiros.

Após pedido do Ministério Público do Rio Grande do Norte (MPRN), a Justiça bloqueou R$ 664.880,78 do deputado estadual Galeno Torquato (PSD) e outras sete pessoas. O parlamentar é investigado por improbidade administrativa na época em que ele foi prefeito do município de São Miguel, no Oeste Potiguar. Em abril deste ano, a Justiça já havia determinado o bloqueio de R$ 2.490.812,85 em contas de Galeno e outros 10 investigados e empresas.

Na decisão, a juíza de Direito de São Miguel, Erika Souza Corrêa Oliveira, afirma que os bloqueios são medidas preventivas para garantir o ressarcimento ao erário, o qual está demonstrado de forma clara e esmiuçada. Segundo o Ministério Público, a improbidade se caracterizou em 2009, quando Galena era prefeito de São Miguel e teria fraudado licitações públicas para execução de obras.

*Com informações do Novo notícias*

Foto: Reprodução/Política Pauferrente.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.