Projeto digital da Viva Entretenimento pretende contribuir com a cultura e economia criativa potiguar, além de arrecadar doações

Projeto digital da Viva Entretenimento pretende contribuir com a cultura e economia criativa potiguar, além de arrecadar doações

O novo projeto da Viva Entretenimento recebeu o título de Terça da Boa Música, e consistirá em shows virtuais de artistas potiguares, propondo assim a apresentação de seus trabalhos para a comunidade. O objetivo é oferecer para o público, de forma democrática, música brasileira de qualidade e em diversos gêneros, seja instrumental ou até mesmo autoral, enquanto arrecada-se doações que serão destinadas a instituições locais, através do Fundo Transforma Brasil no RN.

Dentre as metas do projeto, estão: a dinamização e valorização da cultura musical, incentivando sua divulgação, registro e consumo; democratização do acesso aos bens culturais do Rio Grande do Norte; ser um modelo de demonstração para que outras iniciativas como essa se perpetuem pelo estado; consolidação das ações culturais como elemento propulsor para o desenvolvimento socioeconômico da comunidade local; despertamento do natalense quanto à riqueza de seus artistas, muitas vezes desconhecida; e explorar a plataforma digital como um formato acessível de divulgação ampla dos talentos potiguares. Além, é claro, da responsabilidade social, ao arrecadar alimentos para a campanha do Fundo Transforma Brasil no Rio Grande do Norte, que tem o objetivo de beneficiar famílias em situação de vulnerabilidade no estado.

Em virtude da pandemia de Covid-19, a configuração de streaming tem crescido no Brasil e em todo o mundo como uma alternativa ideal para promover entretenimento, debates, mobilizações. Entendendo a importância do isolamento social nesse momento, a Viva também se reinventou para continuar promovendo a cultura potiguar, agora em formato de eventos digitais. Para o diretor Jarbas Filho, explorar essa nova realidade é imprescindível para viabilizar a realização de projetos extremamente importantes tanto para a cultura como para a economia criativa como um todo. “Vários profissionais do segmento cultural estão com a renda comprometida pela crise, e esse projeto também poderá dar a eles oportunidade de trabalho e renda, além de uma divulgação orgânica”, conta.

A Viva está preparada para um cenário em que essas mudanças estejam vindo para ficar e acredita que o conceito de shows virtuais pode continuar com muita força no período pós-pandemia. “É uma forma muito acessível de produção e consumo de bens culturais, e a tecnologia está com certeza ao nosso favor”, finaliza Jarbas. Dessa forma, o projeto Terça da Boa Música é apenas o começo de uma série de conteúdos que devem vir pela frente. Também é importante ressaltar que os eventos promovidos durante esse tempo estarão alinhados com as práticas técnicas e sanitárias para fazer uma entrega de qualidade para o público e preservar a saúde de todos os envolvidos.

O Fundo Transforma Brasil

O Transforma Brasil é um movimento de engajamento e mobilização cívica, que conecta voluntários e ONGs através de uma plataforma online. O Fundo Transforma Brasil, por sua vez, é uma rede de 2.500 projetos e iniciativas sociais espalhados pelo território brasileiro. A meta é arrecadar 155 mil cestas básicas por mês durante um período de pelo menos 2 meses, o que soma R$12.500,00 em doações. Com isso, 125 mil famílias associadas às instituições participantes serão beneficiadas.

0 comments on “Projeto digital da Viva Entretenimento pretende contribuir com a cultura e economia criativa potiguar, além de arrecadar doaçõesAdd yours →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!