Mais de 800 pacientes de outras cidades foram atendidos em Natal no mês de maio

A rede pública de Saúde de Natal registra uma sobrecarga em sua capacidade de atendimento durante o período da pandemia da Covid-19.

As quatro Unidades de Pronto Atendimento (UPAs) instaladas na cidade refletem com clareza este quadro.

Voltadas originalmente para atender à população de Natal, as unidades atenderam a mais de 800 pessoas de outras cidades do Rio Grande do Norte e até de outros Estados em maio.

A UPA da Cidade da Esperança, na Zona Leste, absorveu a maior parte desses atendimentos no mês passado, com 351 registros. Em seguida, vem a UPA do Pajuçara, na Zona Norte, com 268 atendimentos. As UPAs Sul (158 pacientes), em Cidade Satélite, e Potengi (49), também na Zona Norte, também receberam usuários do SUS provenientes de outras praças.

Por ser a capital e uma estrutura mais organizada na rede pública de Saúde, é visto como natural que Natal absorva pacientes de fora dos seus limites. Um dado que atesta esta situação está diretamente ligado aos usuários do Sistema Único de Saúde. Há mais de 1,4 milhão de cartões do SUS emitidos para usuários da cidade, que, no entanto, possui aproximadamente 850 mil habitantes.

0 comments on “Mais de 800 pacientes de outras cidades foram atendidos em Natal no mês de maioAdd yours →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Do NOT follow this link or you will be banned from the site!