PM acusado de matar advogada a pauladas é condenado a 20 anos em regime fechado

Por William Medeiros.

A Comarca de Santo Antônio, definiu em 20 anos de reclusão, sob regime fechado, a pena de Gleyson Alex de Araújo Galvão, soldado da Polícia Militar, pronunciado pelo Ministério Público Estadual, como autor de um homicídio triplamente qualificado cometido por motivo fútil, meio cruel e mediante recurso que dificultou a defesa da vítima, a advogada Vanessa Ricarda de Medeiros.

O crime ocorreu em fevereiro de 2013 dentro de um motel e o PM foi preso no dia 14 de fevereiro de 2013, logo após o crime, Santo Antônio e o acusado permaneceu detido no 4º Batalhão, na Zona Norte de Natal, até o dia do Júri, realizado nessa quarta-feira, 25.

Foto: Reprodução/G1RN.

 

0 comments on “PM acusado de matar advogada a pauladas é condenado a 20 anos em regime fechadoAdd yours →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *