OPERAÇÃO MANUS NATAL: Vejam detalhes e mandados de prisão e condução

OPERAÇÃO MANUS NATAL: Vejam detalhes e mandados de prisão e condução

A operação da Polícia Federal desta terça foi batizada como Manus e apura atos de corrupção ativa e passiva, além de lavagem de dinheiro. O nome é referência ao provérbio latino “Manus Manum Fricat, Et Manus Manus Lavat”, cujo significado é: uma mão esfrega a outra; uma mão lava a outra.

Segundo a PF, cerca de 80 policiais cumprem 33 mandados judiciais, sendo cinco mandados de prisão preventiva, seis mandados de condução coercitiva e 22 mandados de busca e apreensão no Rio Grande do Norte e Paraná. A investigação começou após a análise de provas coletadas na Lava Jato que apontaram solicitação e recebimento de vantagens indevidas pelos dois ex-parlamentares na construção da Arena das Dunas, estádio da Copa do Mundo em Natal. De acordo com a apuração da PF e do Ministério Público até agora, houve sobrepreço no valor de R$ 77 milhões nas obras realizadas, com favorecimento de duas grandes construtoras.

Além das delações da Odebrecht, houve afastamento de sigilos fiscal, bancário e telefônico dos envolvidos. Foram identificados valores recebidos como doação eleitoral oficial, entre os anos de 2012 e 2014, que segundo investigadores consistiram, na verdade, em pagamento de propina. Houve ainda valores supostamente doados para a campanha eleitoral em 2014 a um dos investigados, desviados em benefício pessoal. Os alvos responderão pelos crimes de corrupção ativa e passiva, além de lavagem de dinheiro.

Os alvos confirmados pelo BlogdoBG até o momento em Natal foram o ex-deputado Henrique Alves(prisão preventiva), o publicitário Arturo Arruda mandado de condução coercitiva, o ex-tesoureiro da campanha Eurico Alecrim(condução coercitiva), o empresário e atual secretário de obras de Natal Fred Queiroz(mandado de prisão).
Fonte: Blog do BG

0 comments on “OPERAÇÃO MANUS NATAL: Vejam detalhes e mandados de prisão e conduçãoAdd yours →

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.

Blog do Rodrigo Loureiro